Rotúlo

Todo mundo parece parece ter um rótulo, uma definição; ser legal, otário, romântico, babaca, nerd, geek, descolado, porco…não importa, todos parecem ter algo que os defina e aquilo parece ser tudo o que eles são.

É revoltante. Sério. Desde quando uma pessoa é só legal? É impossível ser legal o tempo todo. E ser canalha? Significa que  a pessoa nunca vai se apaixonar? E ser fiel significa que a pessoa nunca, jamais, em hipótese alguma vai trair?

Se eu tivesse que ter um rótulo ele seria “volátil”, do dicionário: “Característica do que é volúvel, inconstante. Que não é sólido, fixo ou permanente.”. Por quê?

Eu gosto de festas. Eu gosto de ficar em casa. Eu gosto de multidões. Eu gosto de ficar sozinha. Eu gosto de música. Eu gosto de filme. Eu gosto de livro. Eu gosto de dançar. Eu gosto de ser sedentária. Eu gosto de esportes. Eu gosto de papel e caneta. Eu gosto de tecnologia. Eu gosto de coisas antigas. Eu gosto de doce. Eu gosto de salgado. Eu gosto de gostar.

Se eu tivesse que escolher? Eu escolheria não escolher, porque não escolher também é uma escolha.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s